DIABETES

DIABETES

A diabetes é uma doença
provocada pela deficiência e/ou ação da insulina.
O distúrbio envolve o metabolismo da glicose,
das gorduras e das proteínas e tem graves conseqüências
tanto quando surge rapidamente como quando se instala lentamente.

No tipo I, a causa básica é uma doença auto-imune
que lesa irreversivelmente as células pancreáticas
produtoras de insulina (células beta).

No tipo II, ocorrem diversos mecanismos de resistência
a ação da insulina, sendo o principal deles a obesidade,
que está presente na maioria dos pacientes.

Entre os sintomas do diabetes estão o suor frio, palpitações,
urinar muitas vezes e em grande quantidade,
ter muita fome, sede exagerada, desânimo, cansaço,
cicatrização difícil, impotência sexual, pressão arterial alta,
infecções de pele ou coceira, câimbras, tremores,
rápida alteração de peso (ganho ou perda), visão embaçada.

As causas mais freqüentes são o excessos na alimentação,
stress nervoso, vida sedentária,
fatores hereditários (que podem ser evitados com uma dieta balanceada),
infecções por vírus, alcoolismo, abuso de excitantes ou drogas.
O stress provocado por enfermidade, acidente ou tragédia pessoal
pode desencadear o diabetes que tenha estado latente por anos.

COMPLICAÇÕES DO DIABETES:
Problemas coronários ou vasculares periféricos, nefropatias (doença renal),
neuropatias (doença dos nervos), retinopatias (doença dos olhos),
infecções, problemas com os pés.
Há ainda as complicações agudas: hipoglicemia, hiperglicemia, cetoacidose.

O controle adequado do diabetes
e a manutenção da HbA1c (hemoglobina glicada) abaixo de 7%,
previne ou retarda as complicações do diabetes.

COMO CUIDAR:
Os quatro pontos principais para alcançar e manter a vida saudável são:
atividade física, nutrição balanceada, monitorização e medicação.

Quem tem diabetes pode (e deve) levar vida normal,
principalmente se estiver bem orientado pelo médico endocrinologista,
nutricionista e conhecer bem o assunto.

Fonte: Internet.
0